Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:59
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:59

Após várias crises, coleta de lixo ganha novos caminhões compactadores

Prefeitura da Capital aposta nos novos veículos para normalização do serviço, já que cidade passa a contar com compactadores suficientes para atender à demanda
Novos caminhões para coleta de lixo começam a operar em Goiânia: contrato de locação já prevê o trabalho dos motoristas e a manutenção necessária dos veículos // Foto: Luciano Magalhães

O serviço de coleta de lixo orgânico de Goiânia recebeu o reforço de 15 novos caminhões compactadores. Os veículos foram entregues na sexta-feira (12/1) e entraram em operação nesta segunda (15). Nas últimas semanas de dezembro, moradores de algumas regiões da capital denunciaram interrupções do serviço em vários bairros. Antes, devido a sucessivas falhas na coleta, a Câmara de Vereadores chegou a realizar uma Comissão Especial de Inquérito para investigar a Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg).

Os novos caminhões chegam para ampliar a frota atual que realiza o serviço na cidade. Responsável pelo serviço, a Comurg acredita que os novos veículos vão garantir a normalização da prestação do serviço.

O presidente da empresa pública, Alisson Borges, explica que os compactadores vão aprimorar o serviço em todos os bairros da Capital.

“Além de ampliar a coleta orgânica, o contrato de locação dos novos caminhões já prevê o trabalho dos motoristas e a manutenção necessária. Com isso, vamos otimizar a prestação do serviço, que será realizado, ao todo, por 46 caminhões”, explica.

Esse número, ainda de acordo com Borges, é o ideal para regularizar o serviço, uma vez que a Comurg possui uma frota de caminhões compactadores antiga e veículos que dependem regularmente de manutenção e reposição de peças.

“Agora temos veículos suficientes para realizar a coleta caso algum caminhão tenha que ir para manutenção”, explica.

O contrato de locação tem vigência de 24 meses e prevê o requerimento de até 30 compactadores. Os veículos entregues são da marca Volkswagen, modelo 17260, de dois eixos, câmbio manual, semelhantes aos que já são utilizados pela Prefeitura de Goiânia. Em breve, eles receberão a identificação da Comurg.

Comurg pede atenção ao calendário de coleta

Alisson Borges, presidente da Comurg: “Quando o lixo é colocado para fora antes do prazo, o próprio morador e os vizinhos ficam sujeitos a várias situações desagradáveis”

Com a coleta de lixo 100% normalizada, a Prefeitura de Goiânia reforça a divulgação do calendário de coleta nos bairros e alerta para a importância dos moradores respeitarem os dias definidos na programação montada pela Comurg. A alternância pode ocorrer de duas a três vezes por semana, dependendo do perfil do bairro.

“Quando o lixo é colocado para fora antes do prazo, o próprio morador e os vizinhos ficam sujeitos a várias situações desagradáveis. O lixo exposto exala mau cheiro, serve de abrigo para animais peçonhentos e de criadouro para o mosquito Aedes aegypti. Além disso, pode atrair cães que rasgam os sacos plásticos e espalham o conteúdo no chão”, ressalta Borges.

A programação completa com os dias, horários e a frequência das coletas orgânicas e seletivas está disponível no site goiania.go.gov.br/comurg, e também no Instagram @comurggoiania.

Alisson lembra que Goiânia é uma das poucas capitais do Brasil que ainda conta com a coleta de lixo de porta em porta e é a única cujo serviço ainda não foi terceirizado.

“Contudo, a colaboração da população é vital para que a cidade permaneça limpa”, finaliza.

Compartilhar em:

Notícias em alta