Hoje é 21 de fevereiro de 2024 06:05
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 06:05

Aprovação de Caiado sobe 11 pontos e chega a 83% no Real Time Big Data

Detalhamento do levantamento mostra que governador goiano conquista maior aprovação entre as mulheres (85%), na faixa etária de 45 a 60 anos (85%) e com ensino superior (84%)
Números da pesquisa confirmam que Ronaldo Caiado é o governador mais bem avaliado do país: em nenhuma estratificação, ele tem menos de 80% de avaliação positiva // Fotos: Arquivo/Secom

O governador Ronaldo Caiado (União Brasil) encerra o primeiro ano do segundo mandato com aprovação recorde da população goiana, segundo levantamento do Instituto Real Time Big Data, divulgado nesta quarta-feira (20/12) pela TV Record Goiás. A pesquisa indica que 83% dos goianos aprovam a gestão Caiado.

Há duas semanas a Paraná Pesquisas mostrava Caiado com aprovação semelhante: de 81%. As sondagens realizadas por empresas nacionais evidenciam que Caiado é hoje o governador mais bem avaliado do País.

Em abril, ao completar 100 dias do segundo governo, o governador tinha a aprovação de 72% dos goianos, de acordo com a Real Time Big Data. Em oito meses, a avaliação positiva de Caiado, portanto, subiu 11 pontos porcentuais. Apenas 15% reprovam o atual governo nessa rodada da pesquisa, número inferior ao aferido em abril (19%). Dos entrevistados, 2% não souberam responder.

O detalhamento da Real Time Big Data mostra que Caiado conquista maior aprovação entre as mulheres (85%), na faixa etária de 45 a 60 anos (85%) e com ensino superior (84%). Em nenhuma estratificação, o governador tem menos de 80% de avaliação positiva.

Para assessores do governador, a aprovação se deve a bons indicadores na segurança pública, investimentos em educação e saúde, além da abrangência dos programas sociais. “Esses investimentos só foram possíveis graças a uma gestão que, primeiro, equilibrou as contas públicas”, afirmam aliados.

Ótimo e bom

Em outro formato de avaliação, a população de Goiás aprova a gestão do governador com 64% de “ótimo” e “bom” – sendo 24% de ótimo e 40% de bom. Apenas 9% rejeitam o atual governo (ruim para 5% e péssimo para 4%). Outros 25% avaliam o governo como regular. Em abril, a aprovação era dois pontos inferior: de 62%.

A Real Time Big Data ouviu 1200 eleitores, entre os dias 16 e 18 de dezembro. A margem de erro do levantamento é de 3 pontos porcentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

Compartilhar em:

Notícias em alta