Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:59
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:59

Bruno Peixoto elogia Romário Policarpo: ‘Tem todas as condições de ser nosso candidato a prefeito’

Presidente da Assembleia Legislativa sugere que presidente da Câmara de Goiânia se filie ao União Brasil ou ao MDB, partidos do governador e vice, para concorrer ao Paço Municipal em 2024
Romário Policarpo e Bruno Peixoto durante ação conjunta na Romaria de Trindade: especulações indicam possibilidade de formação de uma chapa em Goiânia formada por Bruno como candidato a prefeito e Romário de vice // Foto: Divulgação

O Bruno Peixoto (União Brasil), presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, tem afirmado em entrevistas e em conversas com aliados que o presidente da Câmara de Goiânia, Romário Policarpo (Patriota), reúne as condições para ser o candidato da base aliada do governador Ronaldo Caiado (União Brasil) à prefeitura da capital nas eleições municipais do próximo ano. Bruno vem citando Romário entre as alternativas do grupo caiadista ao Paço Municipal, ao lado de Ana Paula Rezende, filha do ex-prefeito Iris Rezende, e do ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, ambos emedebistas.

“Ele tem condições para ser candidato a prefeito porque conhece Goiânia. Quem quer administrar Goiânia, tem que conhecer a cidade”, afirmou Bruno Peixoto em entrevistas nesta segunda-feira (10/7).

O presidente da Assembleia citou Romário quando perguntado se planeja ser candidato a prefeito da capital, tendo como vice o presidente da Câmara Municipal.

“Romário tem todas as condições de ser candidato a prefeito. Sugeri a ele que filie-se ao União Brasil ou ao MDB”, disse.

Bruno e Romário vêm estreitando o relacionamento político e administrativo, com apoio de aliados. A parceria ficou evidente com a participação conjunta, da Assembleia e da Câmara, lideradas pelos dois presidentes, na Romaria de Trindade, no último dia 30.

Desde então, Bruno vem reforçando a percepção de que os dois podem estar lado a lado nas eleições municipais do ano que vem. Nas conversas com aliados, o deputado tem dito que a escolha do candidato da base do Governo estadual terá o apoio integral de Caiado.

“Eu caminho sempre com o governador. Juntos, ouvindo a base, vamos tomar uma decisão (sobre a chapa em Goiânia)”, afirma.

Na avaliação de Peixoto, o apoio estratégico do governador será “imprescindível e decisivo” para o sucesso da chapa a ser formada pelo grupo, devido à elevada avaliação positiva de Caiado.

Uma eventual dobradinha Bruno-Romário é considerada competitiva porque ambos exercem seus mandatos como presidentes do Legislativo com amplo apoio de seus colegas de parlamento – deputados e vereadores. A candidatura em Goiânia, avaliam aliados, reuniria apoio expressivo de parlamentares, com grande capacidade de mobilização eleitoral.

Compartilhar em:

Notícias em alta