Hoje é 15 de abril de 2024 03:01
Hoje é 15 de abril de 2024 03:01

Caiado se encontra com familiares de sequestrados pelo Hamas

Junto ao governador de São Paulo, Caiado prestou solidariedade às famílias e diz que horror praticado contra cidadãos israelenses é “estarrecedor”
Governador Ronaldo Caiado e Tarcísio de Freitas prestam solidariedade à família de Michel Nisembaum, cidadão brasileiro-israelense mantido refém pelo grupo Hamas // Foto: Hegon Correa

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, prestou solidariedade nesta quarta-feira (20/03) à família de Michel Nisembaum, cidadão brasileiro-israelense mantido refém desde o ataque no dia 7 de outubro de 2023, pelo grupo extremista Hamas. O encontro aconteceu em Tel Aviv, no quarto dia da visita de Caiado a Israel.

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, também participou do encontro, durante fórum com parentes de israelenses em poder do grupo islâmico e que se mobilizam para libertação. Ayala Harel, sobrinha de Michel Nisembaum, disse que a família está sem notícias desde o sequestro.

“Eu e Tarcísio nos colocamos à disposição para uma reunião dentro do Congresso Nacional, na Comissão de Relações Exteriores, para ouvir depoimentos e que a Embaixada de Israel possa levar aos parlamentares a barbárie praticada aqui”, disse Caiado.

Ainda, o governador propõe levar aos parlamentares brasileiros o vídeo apresentado pelas Forças de Defesa de Israel que compila em 47 minutos mais de sete horas de gravação do ataque de outubro de 2023.

Antes do encontro com familiares, os governadores estiveram no local conhecido como “Praça dos Reféns”, também em Tel Aviv, onde parentes dos sequestrados mantêm homenagens contínuas às vítimas. Em um ato simbólico, os parentes costumam arrumar mesas de jantar para recebê-los, ressaltando o impacto de suas ausências.

A programação da comitiva brasileira em Israel de quarta-feira incluiu uma visita às Indústrias Aeroespaciais Israelenses. No último compromisso do dia, Caiado participou de evento com a comunidade brasileira em Ra’anana, cidade no distrito central de Israel distante cerca de 20 quilômetros da capital.

Ao discursar para o público, o governador enalteceu a história de Israel e seu povo, que já enfrentou diversas dificuldades.

Compartilhar em:

Notícias em alta