Hoje é 21 de julho de 2024 15:33
Hoje é 21 de julho de 2024 15:33

Caldas Novas intensifica ações contra a dengue e amplia atendimento de saúde

Além do trabalho dos mais de 200 agentes comunitários de saúde, a rede de atendimento hospitalar está preparada com mais de 34 leitos de urgência e emergência
Cerca de 5 mil imóveis do município estão sendo visitados em uma ação iniciada ontem em um trabalho conjunto de pastas da administração municipal

O município de Caldas Novas está adotando medidas para conter o avanço dos casos de dengue, chikungunya e zika, promovendo uma série de mutirões de combate ao mosquito aedes aegypti. Iniciadas na quarta-feira, 21 de fevereiro, às ações incluem roçagem, recolhimento de materiais inservíveis e limpeza urbana nos setores Santa Efigênia e Parque Real, abrangendo mais de 5 mil imóveis residenciais.

O prefeito Kleber Marra destaca a importância da participação da população nesse esforço conjunto. Segundo ele, a colaboração dos cidadãos é fundamental para evitar a proliferação do mosquito transmissor. “O combate à dengue é uma ação permanente para o time da Prefeitura, mas a colaboração da população é fundamental. Pedimos a participação de todos, para evitar o acúmulo de água em recipientes e manter o ambiente livre do aedes aegypti”, pediu.

A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), conta com o apoio de diversos órgãos municipais, como Desenvolvimento Urbano, Meio Ambiente, Educação, Comunicação, entre outros, além do Corpo de Bombeiros Militar. Mais de 200 profissionais estão envolvidos na ação, incluindo Agentes de Combate a Endemias (ACEs) e Agentes Comunitários de Saúde (ACS), que orientam sobre a coleta urbana e os cuidados para evitar a proliferação do mosquito.

Paralelamente às ações de combate, o governo municipal ampliou os serviços de saúde para atender os casos confirmados ou suspeitos de dengue. A população é orientada a procurar o posto de saúde mais próximo ao apresentar os primeiros sintomas, como dores musculares, febre, mal-estar e manchas vermelhas pelo corpo. As unidades de Atenção Básica estão preparadas para receber os pacientes sem necessidade de agendamento prévio.

Os pacientes com casos leves são encaminhados para realização de hemograma em laboratório conveniado, enquanto aqueles que necessitarem de maior atenção são direcionados para o ESF Recanto dos Eucaliptos, onde foram instalados 12 leitos para hidratação venosa e realização de exames. Crianças e gestantes têm atendimento específico na ala pediátrica e na antiga ala da Maternidade, no Hospital Municipal Dr. André Ala Filho, onde foram disponibilizados 22 novos leitos.

Além disso, o horário de atendimento nos ESF’s Santa Efigênia e Itanhangá II foi estendido até às 21 horas, e em casos mais graves, os pacientes podem ser transferidos para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) continuando de prontidão para casos de urgência.

Compartilhar em:

Notícias em alta