Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:55
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:55

Caso Jade Fernandes: exame pericial indica lesão profunda em relação sexual violenta

De acordo com o laudo, a miss transsexual sofreu violência com sequelas por dias contínuos; Polícia Civil aguarda o resultado de uma perícia no carro do delegado, local onde a vítima alega ter sido abusada
A defesa da vítima informa que outro exame, visando identificar se Jade foi ou não dopada, sairá em até 30 dias // Foto: Instagram

Os resultados de um exame pericial confirmou a ocorrência de violência sexual contra Jade Fernandes, de 23 anos, miss trans que denunciou ter sido estuprada pelo delegado Kleyton Manoel Dias após aceitar uma carona dele ao sair de uma festa em uma boate de Goiânia no último dia 5/01 leia aqui sobre o caso. O documento foi encaminhado à Polícia Civil, que está investigando o caso.

De acordo com o laudo, Jade sofreu uma relação sexual violenta, resultando em lesão profunda e sangramento contínuo por vários dias. A polícia aguarda o resultado de uma perícia no carro do delegado, local onde a vítima alega ter sido abusada.

A vítima afirma ter sido dopada antes do abuso, ocorrido no porta-malas do carro do delegado enquanto era conduzida até sua residência. As declarações foram feitas em uma coletiva de imprensa na última segunda-feira (8).

A defesa da vítima informa que outro exame, visando identificar se Jade foi ou não dopada, também foi realizado, com o resultado previsto para ser apresentado em até 30 dias.

A Polícia Civil, ao tomar conhecimento do caso, adotou todas as medidas necessárias para esclarecimento, sendo a investigação conduzida pela Delegacia da Mulher (Deaem) com apoio da Corregedoria. Kleyton foi afastado de suas funções e designado para atuar em uma unidade administrativa.

Em nota à imprensa, a defesa de Kleyton Manoel Dias, alega que “de início, repudia veementemente as acusações e se coloca à inteira disposição das autoridades nas investigações que apuram o caso”. A nota também diz que eles “aguardem as conclusões das investigações no esclarecimento dos fatos, que ao final irá demonstrar a sua inocência”.

Compartilhar em:

Notícias em alta