Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:08
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:08

Com presença de Rogério Cruz, Solidariedade filia 3 novos vereadores em Goiânia

Partido comandado em Goiás pelo secretário de Infraestrutura de Goiânia, Denes Pereira, conta agora com sete vereadores na capital; evento contou com participação do deputado federal Paulinho da Força, vice-presidente nacional do partido Solidariedade
Ao lado de Paulinho da Força, Denes Pereira comandou o ato de filiação: “Fazemos política baseada no diálogo, buscando uma parceria de compromisso que favoreça o bem comum” // Reprodução

Comandado em Goiás pelo secretário de Infraestrutura de Goiânia, Denes Pereira, o partido Solidariedade realizou nesta terça-feira (12/12), na Assembleia Legislativa de Goiás, um ato de filiação de três novos vereadores da capital. Além de diversas lideranças políticas, a solenidade contou com a presença do deputado federal Paulinho da Força (SP), vice-presidente nacional do Solidariedade, e do prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos).

Filiaram-se ao partido os vereadores Leandro Sena, Ronilson Reis e Gabriela Rodart. As filiações são parte da estratégia de fortalecimento da sigla visando as eleições do próximo ano. Sena e Ronilson estavam sem partido, enquanto Gabriela Rodart estava no PTB, que agora, após fusão com o Patriota, forma o PRD (Partido Renovação Democrática). Pela Lei eleitoral, um dos requisitos para o parlamentar trocar o partido fora da janela partidária, sem risco de perder o mandato, é justamente se sua sigla se juntar a outra.

Com os novos filiadores, o Solidariedade passa a ter a maior bancada da Câmara Municipal de Goiânia, coim sete parlamentares, uma a mais que o MDB.

“O Solidariedade é o partido que mais cresce em Goiás e no Brasil, estamos trabalhando para combater desigualdades e ajudar aqueles que mais precisam”, afirma Denes.

“Fazemos política baseada no diálogo, buscando uma parceria de compromisso que favoreça o bem comum”, acrescenta o líder partidário.

Durante o evento, que contou com participação de deputados estaduais filiados à sigla, Paulinho da Força reafirmou a confiança da direção nacional do Solidariedade no político goiano.

“De vez em quanto alguém me liga e diz ‘Vão derrubar o Denes’… Como derrubar o Denes? O Denes só vai sair se eu sair do partido”, disse Paulinho.

Denes afirma que o objetivo do Solidariedade em Goiás é formar chapas consistentes e competitivas, visando as eleições de 2024: “Queremos apresentar propostas que contemplem os anseios dos moradores e apresentar não apenas bons nomes, mas projetos consistentes para o desenvolvimento de Goiânia e outras cidades onde o Solidariedade se fortalece”, diz.

Compartilhar em:

Notícias em alta