Hoje é 21 de fevereiro de 2024 04:50
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 04:50

Familiares e fãs prestam homenagens a Zagallo em velório na CBF

Enterro do tetracampeão, que morreu às 23h41 de sexta-feira por falência múltipla dos órgãos, aos 92 anos, está marcado para 16h em cemitério da Zona Sul do Rio
Corpo de Zagallo está ao lado de diversos troféus, taças e de murais que contam a história do futebol brasileiro // Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

O corpo do tetracampeão Zagallo está sendo velado neste domingo (7/1), na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Familiares, jogadores e admiradores prestam homenagens e relembram momentos marcantes da carreira do ex-técnico. No local, imagens da carreira de Zagallo preenchem as paredes.

O enterro está marcado para as 16h no cemitério São João Batista, em Botafogo, na Zona Sul do Rio.

Foram entregues dezenas de coroas de flores com homenagens de clubes de futebol, do Comitê Olímpico do Brasil, de jogadores e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da primeira-dama Janja Lula da Silva.

O corpo de Zagallo está ao lado de diversos troféus, taças e de murais que contam a história do futebol brasileiro.

O ex-jogador Mauro Silva, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, o comentarista esportivo Léo Batista, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, foram alguns dos que já estiveram no velório e prestaram homenagens.

Zagallo morreu às 23h41 desta sexta-feira (5), por falência múltipla dos órgãos, aos 92 anos. Ele estava internado desde o final do ano passado no Hospital Barra D’Or.

Em memória ao ex-jogador e ex-treinador, o presidente Lula decreto decretou luto oficial de três dias. O decreto foi publicado em edição extra no Diário Oficial.

Mais cedo, o presidente da República já havia comentado a morte do Velho Lobo. Lula lembrou que, além de ser um dos maiores jogadores e técnicos de futebol de todos os tempos, Zagallo foi “um grande vencedor e símbolo de amor pela seleção brasileira e pelo Brasil”. (Com informações da Agência Brasil)

Compartilhar em:

Notícias em alta