Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:06
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 12:06

Morre em Goiânia o empresário Oswaldo Stival

Agropecuarista e industrial, ele foi prefeito do município de Nova Veneza por duas vezes e idealizador do Festival Italiano de Gastronomia e Cultura, resgatando as raízes italianas da cidade
Oswaldo Stival iniciou suas atividades como agropecuarista e industrial na década de 1980, na nos municípios de Gurupi e Araguaçu, atualmente pertencentes ao Sul do Tocantins // Foto: Arquivo

Morreu neste domingo (7/1) em Goiânia o empresário Oswaldo Stival, aos 92 anos. Ex-prefeito de Nova Veneza, município vizinho a Goiânia, ele era casado com Edith Peixoto, pai de Hermione e Edione Stival e dos empresários Oswaldo Stival Junior, José João Stival e Edwaldo Peixoto Stival. É também avô do presidente do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados no Estado de Goiás (Sindicarne), Leandro Stival.

Oswaldo Stival iniciou suas atividades como agropecuarista e industrial na década de 1980, na nos municípios de Gurupi e Araguaçu, atualmente pertencentes ao Sul do Tocantins. Em 1995, ele marcou sua história em Gurupi participando da reabertura do Frigorífico de Gurupi e hoje é cooperado na Cooperativa dos Produtores de Carne e Derivados de Gurupi (Cooperfrigu).

Além de sua atuação nos negócios, Stival serviu como prefeito do Município de Nova Veneza, Goiás, em dois mandatos, de 1988 a 1992 e em 2000. Seu empenho na gestão municipal ficou registrado na criação do “Festival Italiano de Gastronomia e Cultura”, resgatando as raízes italianas da cidade.

A contribuição de Stival para a cidade de Gurupi foi reconhecida em 2012, quando recebeu o título de Cidadão Gurupiense concedido pela Câmara de Vereadores. Em dezembro do ano passado, foi agraciado com o título de Cidadão Tocantinense na Assembleia Legislativa, requerido pelo deputado Eduardo Fortes.

A dedicação de Oswaldo Stival ultrapassou fronteiras, sendo condecorado em 1991 com a Ordem do Mérito Consular pelo Governo de Pernambuco, em 2006 com a Ordem do Mérito Anhanguera pelo Governo de Goiás e, em 2012, agraciado com a Comenda da Ordem da Estrela da Solidariedade pelo Governo Italiano.

A Federação das Indústrias de Goiás (Fieg) manifestou pesar pela morte do empresário. No Tocantins, diversas entidades políticas e empresariais também lamentaram, em nota, a perda de Oswaldo Stival.

O velório está sendo realizado em Nova Veneza, no Instituto Oswaldo Stival e Edith. O corpo do empresário será sepultado no cemitério da cidade nesta segunda-feira (8), às 9 horas.

Compartilhar em:

Notícias em alta