Hoje é 23 de maio de 2024 22:53
Hoje é 23 de maio de 2024 22:53

Obras de duplicação da GO-213 ganham impulso e cronograma é antecipado

Graças ao avanço dos trabalhos desenvolvidos em múltiplas frentes de serviço simultâneas, etapa da obra prevista para o segundo semestre será executada a partir de maio
Trabalhos de duplicação de trecho com extensão de 48 quilômetros são executados pela Goinfra e pelo 2º Batalhão Ferroviário do Exército Brasileiro // Fotos: Silvano/Goinfra e Exército

As obras de duplicação e restauração da rodovia GO-213, que liga Caldas Novas a Morrinhos, ganharam novo ritmo com o fim das chuvas. A iniciativa, que envolve um investimento de R$ 257,6 milhões por parte do Tesouro Estadual, já mostra progresso significativo nas etapas de terraplenagem e supressão vegetal, especialmente no segmento entre os entroncamentos com as GO-139 e GO-507.

O projeto abrange 48 quilômetros de extensão e, além da duplicação, inclui a restauração de trechos já existentes da rodovia, com previsão de início desses trabalhos em maio, antes do previsto inicialmente para o segundo semestre.

A execução está sob a responsabilidade do Governo de Goiás, através da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), em colaboração com o 2º Batalhão Ferroviário do Exército Brasileiro. Santos Filho, presidente da Goinfra, ressaltou que a antecipação dos prazos foi possível devido à adoção de múltiplas frentes de trabalho operando simultaneamente.

“Mesmo durante o período chuvoso, aproveitamos cada momento de clima favorável para avançar nos trabalhos”, afirmou Santos Filho. “Isso incluiu a terraplenagem, a recuperação de sub-base, a remoção controlada de vegetação e pedras, sempre seguindo rigorosos padrões ambientais e com o suporte de especialistas tanto da Goinfra quanto do Exército.”

O avanço dessas obras é uma notícia positiva para os usuários frequentes da GO-213, prometendo não apenas melhorar a capacidade e segurança da rodovia, mas também impulsionar o desenvolvimento econômico local por meio de uma infraestrutura de transporte mais eficiente.

Equipe multidisciplinar ajuda a proteger biodiversidade

No trabalho de supressão vegetal, equipe multidisciplinar que inclui biólogos e engenheiros florestais do Exército e da Goinfra garante o bem-estar animal e a mitigação de impactos ambientais. Espécies de animais são resgatados por especialistas e devolvidos à natureza em áreas de soltura situadas nas proximidades do Parque Estadual da Serra de Caldas Novas (PESCaN).

O presidente da Goinfra reforça que o respeito às condicionantes ambientais e princípios de sustentabilidade são prioridades.

“Destacamos pessoal habilitado e especializado para garantir que a riqueza da biodiversidade daquela região seja respeitada e devidamente protegida. Para isso, temos apoio de equipes do próprio Exército Brasileiro e de biólogos do PESCaN, destacados pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), envolvidos nesta importante missão”, conclui.

Compartilhar em:

Notícias em alta