Hoje é 29 de fevereiro de 2024 03:10
Hoje é 29 de fevereiro de 2024 03:10

Operação Rubrum desarticula quadrilha suspeita de homicídios e tráfico de drogas em Goiás e RJ

Até o final desta manhã foram cumpridos 11 mandados de prisão temporária, duas prisões em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e uma prisão por posse ilegal de arma de fogo
O trabalho integrado dos policiais permitiu ações simultâneas em cidades do interior de Goiás e no Rio de Janeiro // Fotos: Ascom PC-GO

Na manhã desta quinta-feira (14), uma megaoperação das polícias Federal, Rodoviária Federal, Militar e Civil de Goiás desencadeou a execução de 17 mandados de prisão temporária e 29 mandados de busca e apreensão em quatro cidades de Goiás e Rio de Janeiro. A ação, intitulada Operação Rubrum, é um desdobramento da Operação Insídia, realizada em outubro deste ano, que resultou na prisão de quatro suspeitos envolvidos no duplo homicídio de um casal em Goiânia.

O delegado Marcos Vinicius Cardoso do Nascimento, da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), esclareceu à imprensa que a investigação identificou uma associação criminosa dedicada ao tráfico de drogas, posse de armas de fogo e homicídios na capital e na Região Metropolitana.

A assessoria de imprensa da Polícia Civil de Goiás informou à reportagem do Portal Notícias Goiás que os nomes dos alvos da operação e suas imagens não foram divulgados, o que impossibilitou a localização de suas defesas até o fechamento desta matéria.

A superintendente da Polícia Federal em Goiás, Marcela Rodrigues, destacou a união das forças policiais no combate ao crime organizado em nosso estado. “Concentramos esforços e compartilhamos informações sobre essa operação para identificar os criminosos que estão sendo investigados nesta operação. Estamos monitorando as principais lideranças das facções que atuam em Goiás”, ressaltou.

Abordagens policiais no interior de Goiás e na cidade do Rio de Janeiro

Forças policiais estão unidas para investigar e prender suspeitos de crimes integrantes de facções criminosas

Os mandados foram cumpridos em diversas cidades, incluindo Goiânia (GO), Santa Terezinha de Goiás (GO), Guapó (GO), Trindade (GO) e Rio de Janeiro (RJ). Segundo a Polícia Federal, até as 9h30 desta quinta-feira, 11 prisões temporárias foram efetuadas, duas prisões em flagrante por tráfico de drogas e uma prisão em flagrante por posse de arma de fogo.

A megaoperação foi realizada em conjunto pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO/GO), composta por membros da Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Polícia Penal Federal e Estadual, em colaboração com a Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) da Polícia Civil de Goiás.

Compartilhar em:

Notícias em alta