Hoje é 18 de junho de 2024 06:08
Hoje é 18 de junho de 2024 06:08

Polícia apreende 8 mil produtos terapêuticos que seriam vendidos em Goiás sem registro

Produtos continham rótulos que indicavam fins medicinais, alegando tratar desde problemas de saúde comuns até condições mais graves, como gonorreia e amigdalite
Investigações continuam para identificar a origem e o destino dos produtos, assim como as pessoas ou empresas envolvidas nesse transporte irregular| Foto: Divulgação

Aproximadamente 8 mil produtos destinados a fins terapêuticos foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na tarde desta terça-feira (1/8). A carga não tinha o registro exigido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e estava sendo transportada do Ceará para Goiás.

De acordo com a PRF, a apreensão aconteceu na região de Ceilândia, no Distrito Federal, na BR-070. Ao fiscalizar a mercadoria, os policiais identificaram que os produtos estavam sendo transportados sem nota fiscal, o que já caracteriza irregularidade.

Além disso, na análise do conteúdo, constatou-se que os artigos continham rótulos que indicavam fins medicinais, alegando tratar desde problemas de saúde comuns até condições mais graves, como gonorreia e amigdalite.

A apreensão também contou com a participação de agentes fiscais do Ministério da Agricultura, que auxiliaram na identificação dos produtos e na constatação das irregularidades.

A carga foi apreendida e encaminhada para a 15ª Delegacia de Polícia Civil do Distrito Federal. Agora a carga passará por perícia para verificar a composição exata dos itens e avaliar detalhes sobre a declaração.

As investigações continuam para identificar a origem e o destino dos produtos, assim como as pessoas ou empresas envolvidas nesse transporte irregular.

Compartilhar em:

Notícias em alta