Hoje é 19 de julho de 2024 22:13
Hoje é 19 de julho de 2024 22:14

Prefeitura de Goiânia tem serviço de internet interrompido por fornecedor

De acordo com a pasta que é responsável pela gestão do acesso à rede nos órgãos de atendimento ao público a situação deve ser resolvida em breve; Procon municipal foi acionado para autuar a prestadora do serviço
Em nota à imprensa, o Paço Municipal informa que aguarda o restabelecimento do acesso à internet para retomar os atendimentos aos cidadãos // Foto: Ascom Pref. Goiânia

Os órgãos de atendimento ao público da Prefeitura de Goiânia ficaram sem internet na última terça-feira (23/01) devido ao cancelamento do fornecimento pela operadora, sem motivo especificado. O corte do primeiro link ocorreu na segunda-feira (22/01). A Direção Administrativa da Secretaria Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sictec) apresentou faturas pagas de outubro, novembro e dezembro de 2023, mas a empresa interrompeu todos os links, alegando inadimplência.

O Procon-Goiânia visitou a sede da empresa no dia seguinte (24/01), emitindo auto de infração e termo de notificação devido à suspensão indevida de serviços com pagamento regular. No entanto, até o final da tarde de ontem, mais de 80 circuitos entre órgãos municipais permaneciam desligados, prejudicando os serviços à população. 

Nesta quinta-feira (25/01), uma nova equipe do Procon-Goiânia irá à empresa buscar esclarecimentos sobre a persistente interrupção. Até as 16h50 de quarta-feira, a Prefeitura de Goiânia trabalhava para resolver a situação e restabelecer a conectividade em todas as pastas afetadas. Leia a íntegra da nota à imprensa sobre o caso.

Nota sobre interrupção da internet

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sictec), esclarece que a interrupção abrupta no fornecimento de internet nos órgãos da Prefeitura de Goiânia, nesta terça-feira (23/1), ocorreu por meio do cancelamento do serviço, sem nenhum motivo, por parte da operadora.

O corte do primeiro link ocorreu na segunda-feira (22/1). Imediatamente, a Direção Administrativa da Sictec entrou em contato com a empresa e apresentou todas as faturas pagas referentes aos meses de outubro, novembro e dezembro de 2023. Mesmo assim, na terça-feira (23/1), a empresa responsável interrompeu o serviço de todos os links da Prefeitura, alegando, erroneamente, inadimplência.

O Programa de Defesa do Consumidor de Goiânia (Procon-Goiânia) foi até a sede da empresa, nesta quarta-feira (24/1), e lavrou um auto de infração e um termo de notificação pela suspensão dos serviços de internet que estão com o pagamento regular.

Ainda assim, até às 16h50 desta quarta-feira, mais de 80 circuitos que interligam diversos órgãos ainda continuam desligados, prejudicando o serviço que a Prefeitura presta aos cidadãos goianienses. O Procon-Goiânia enviará nesta quinta-feira (25/1) uma nova equipe até a empresa para pedir esclarecimentos sobre a razão dos serviços ainda não estarem totalmente estabelecidos.

Salientamos que a responsabilidade pela ativação dos serviços é integral e exclusiva da referida prestadora e que a administração municipal está tomando as medidas necessárias imediatas para resolver essa situação e restabelecer a conectividade em todas as pastas afetadas. Pedimos a compreensão da população diante dessa circunstância.

Compartilhar em:

Notícias em alta