Hoje é 24 de maio de 2024 08:11
Hoje é 24 de maio de 2024 08:11

Prefeitura de Hidrolândia inaugura ponte na região do Bonito

Agricultores precisavam fazer desvios por outras estradas, o que atrasava em até 3 horas o trajeto com máquinas pesadas
Inauguração da Ponte Antão Silvestre de Oliveira Filho Foto: Portal Notícias Goiás

A Prefeitura de Hidrolândia inaugurou nesse sábado (20/04) a Ponte Antão Silvestre de Oliveira Filho, que passa sobre o Córrego Grande na região do Bonito do Meio, área rural do município. Segundo o prefeito José Délio Júnior, a obra foi nomeada em homenagem ao falecido agricultor que, na década de 1980, construiu uma ponte de madeira sobre o curso d’água, obra que agora foi refeita com uma estrutura mais forte e que vai permanecer por gerações.

O gestor conta que o fazendeiro pediu para que ele construísse uma nova ponte com mais estrutura para atender os produtores rurais. José Délio enfatiza que a ponte foi feita para durar, com mais de 10 trilhos sustentando as duas faixas de concreto armado: “Então isso aí é uma pedra só, não tem jeito de ela quebrar, ela pode afundar para um lado ou para o outro, mas não vai porque nós também fortalecemos as cabeças”.

O prefeito ainda reforçou o seu compromisso em entregar obras que permanecerão atendendo várias gerações. “A gente sabe a importância dessa ponte e a gente precisa fazer um negócio para ficar pronto, eu falo que eu sou novo e eu não quero tampar buraco meu”, afirmou José Délio.

Antão Neto, familiar do homem que construiu a ponte, agradece a homenagem feita pelo prefeito ao seu avô. Ele ressalta que a construção foi feita em pouco tempo e vai beneficiar todos os produtores da região que antes tinham dificuldades para passar com maquinários pesados, necessários no plantio.

Eliamar Pontes de Oliveira é produtora rural e mora no Bonito do Meio desde que nasceu. Ela afirma que a ponte anterior havia passado por reparos mais de uma vez, mas era muito estreita e antiga, então não conseguia suprir as necessidades dos agricultores. “Meu esposo trabalha colhendo em uma roça, ano passado ele teve que ‘rodiar’ por Hidrolândia. E esse ano não, já passou na ponte aqui e já adiantou umas três horas de caminho”, comentou Eliamar sobre como a ponte beneficiou a região.

Compartilhar em:

Notícias em alta