Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:51
Hoje é 21 de fevereiro de 2024 11:51

Romário Policarpo afirma que vai aguardar decisão de Caiado sobre candidatura em Goiânia

Presidente da Câmara de Goiânia afirma que, como integrante da base aliada do Governo estadual, vai aguardar definição do governador: "Agora é hora de ajudar a cidade”
Vereador Romário Policarpo: “Os caminhos da cidade passam muito pelo que Ronaldo Caiado vai definir” // Foto: Divulgação

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Romário Policarpo (Patriota), afirmou nesta terça-feira (11/7) que é cedo para discutir candidaturas a prefeito da capital e que os partidos da base aliada estadual aguardam as definições do governador Ronaldo Caiado (União Brasil) sobre as eleições do próximo ano. A declaração do vereador foi feita um dia após o deputado Bruno Peixoto (União Brasil), presidente da Assembleia Legislativa, citar Romário entre as opções da base do Governo Caiado para disputar a prefeitura.

“Fazemos parte de um projeto e vou esperar o posicionamento do governador para que o grupo defina seu posicionamento”, disse Policarpo, ao agradecer a referência de Peixoto ao seu nome.

“Os caminhos da cidade passam muito pelo que o governador Ronaldo Caiado vai definir”, completou, dizendo, ainda, que o momento “é de ajudar a cidade”

“Fazer com que a cidade encontre um caminho adequado e a gente espera que a prefeitura faça isso”, observou.

Bruno Peixoto tem afirmado que Romário Policarpo reúne condições para ser o candidato da base de Caiado à prefeitura da capital em 2024, assim como Ana Paula Rezende, filha do ex-prefeito Iris Rezende, e pelo ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, ambos emedebistas. Ana Paula ainda não decidiu se encara as urnas; Gustavo Mendanha ainda aguarda um posicionamento da Justiça Eleitoral sobre sua eventual candidatura, já que foi eleito duas vezes seguidas prefeito de Aparecida de Goiânia nas eleições anteriores.

“Sugeri a ele que filie-se ao União Brasil ou ao MDB. Ele tem condições para ser candidato a prefeito porque conhece Goiânia. Quem quer administrar Goiânia tem que conhecer a cidade”, afirmou Bruno Peixoto em entrevistas na segunda-feira (10). O presidente da Assembleia citou Romário quando perguntado se planeja ser candidato a prefeito da capital com o presidente da Câmara como seu vice.

Nas conversas com aliados, Bruno tem dito que a escolha do candidato da base estadual terá o apoio integral de Caiado.

“Eu caminho sempre com o governador. Juntos, ouvindo a base, vamos tomar uma decisão (sobre a chapa em Goiânia)”, afirma.

Compartilhar em:

Notícias em alta