Hoje é 29 de fevereiro de 2024 01:57
Hoje é 29 de fevereiro de 2024 01:57

Sistema de captação e tratamento de água de Caldas Novas será duplicado

Obra está orçada em R$ 14 milhões proveniente do programa ‘Caldas Avança’, com investimento de R$ 30 milhões em toda a infraestrutura de saneamento da cidade
“Traçamos metas para universalizar o acesso à água potável e em um futuro bem próximo, esta será a realidade vivenciada pela nossa população”, prefeito Kleber Marra // Foto: Secom

A prefeitura de Caldas Novas, por meio do programa ‘Caldas Avança’, está realizando a obra de duplicação da Estação de Tratamento de Água (ETA) da cidade. Com investimento orçado em cerca de R$ 14 milhões, todo o sistema de captação e tratamento deve passar, após a conclusão, a operar com o dobro de sua capacidade atual. No total, toda infraestrutura de saneamento do município está recebendo em torno de R$ 30 milhões em investimentos, maior montante já gasto desde a criação do Departamento Municipal de Água e Esgoto (DEMAE), ocorrido há mais de 28 anos.

De acordo com a administração, os significativos investimentos realizados e adotados nas políticas públicas devem proporcionar, nos próximos meses, melhoria da qualidade de vida, sobretudo, no que diz respeito ao abastecimento de água potável a população municipal.

O prefeito, Kleber Marra (MDB), pontua que estas ações fazem parte do planejamento estratégico de seu governo, tendo como prioridades oferecer mais saúde, mais qualidade de vida e melhores condições socioeconômicas aos cidadãos caldas-novenses.

“Nosso principal foco é levar saúde e dignidade para a população, principalmente por meio do saneamento básico. Traçamos metas para universalizar o acesso à água potável e em um futuro bem próximo, esta será a realidade vivenciada pela nossa população”, afirma o gestor.

“Tudo é resultado do trabalho que realizamos com seriedade, com bom uso dos recursos e respeito ao cidadão. Caldas Novas sempre teve um problema histórico de distribuição de água tratada. Diversos prefeitos passaram e não conseguiram resolver, e a nossa gestão está dando um fim, de uma vez por todas, nesse problema”, destaca Kleber Marra.

Compartilhar em:

Notícias em alta