Hoje é 24 de maio de 2024 08:19
Hoje é 24 de maio de 2024 08:19

Suspeito de matar homem em praça de Caldas Novas é preso no Rio de Janeiro

Inquérito policial verificou que o crime foi motivado por desavenças passadas entre os dois, há indícios de que a vítima estava saindo com a ex-namorada do suposto autor, que pode ter vínculos com facção criminosa
Suspeito preso no Rio de Janeiro. Foto: Polícia Civil.

Nesta terça-feira (16/04), um homem foi preso na Barra da Tijuca, município do Rio de Janeiro, suspeito de um homicídio ocorrido em março deste ano em Caldas Novas. A Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios – 19º DRP, realizou a troca de informações com as polícias civil e militar do Rio de Janeiro, o que possibilitou que o mandado de prisão preventiva expedido pela 1ª vara criminal de Caldas Novas fosse cumprido.

O delegado André Barbosa, responsável pelo caso, explicou que os agentes trabalharam incansavelmente para identificar e localizar o suspeito, que foi preso com o auxílio da polícia carioca. “Durante as investigações, conseguimos identificar que o autor se refugiou no Rio de Janeiro, no Complexo do Alemão, e inclusive teria se associado a traficantes locais”, disse André Barbosa.

Imagens da câmera de segurança no momento do crime. Foto: Reprodução

O inquérito apura um homicídio no dia 23 de março de 2024 na praça central de Caldas Novas, Goiás. As imagens de uma câmera de segurança mostram o momento em que o autor, acompanhado por um adolescente, corre até a vítima, identificada como Guilherme de Sousa Modesto, de 20 anos, e dispara seis vezes contra ele, antes de fugir.

As autoridades informaram que as motivações para o delito seriam desavenças entre os dois, há indícios de que a vítima estava saindo com a ex-namorada do suposto autor em um encontro de som automotivo no momento do crime.

Compartilhar em:

Notícias em alta