Hoje é 21 de julho de 2024 15:42
Hoje é 21 de julho de 2024 15:42

Rosy da Unifan, pré-candidata a vereadora, fala sobre a importância da mulher na política

Professora há mais de 30 anos, ela também comentou sobre a educação em Aparecida de Goiânia e a necessidade de investir na educação básica
Rosy da Unifan participa do Bate-Papo NG e fala sobre falta de vagas nos CMEIs de Aparecida de Goiânia. Foto: Portal Notícias Goiás

A professora Rosy Mary, conhecida como Rosy da Unifan, participou do Bate-Papo NG e comentou sobre a situação da educação e a necessidade de se aumentar a participação feminina na política. Como pré-candidata a vereadora por Aparecida de Goiânia, ela afirma: “Hoje, me sinto bastante capacitada para assumir essa pasta e brigar, vamos colocar assim, por aquilo que é de interesse da educação”.

Durante a entrevista, a educadora, que é coordenadora do curso de pedagogia do Centro Universitário Alfredo Nasser, enfatizou a importância de que sejam ofertadas vagas para todas as crianças nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) da cidade.

Ela comentou sobre as mais de 8.000 crianças fora da sala de aula no município, um problema que gera grandes consequências sociais. Em uma visita recente ao bairro Independência Mansões, a pré-candidata encontrou oito mulheres que, juntas, cuidavam de cerca de 24 crianças. “As mães organizam um rodízio de cuidados para que cada uma possa trabalhar. Cada dia, uma falta ao serviço e toma conta de todas as crianças”, explicou Rosy sobre a dificuldade de cuidar dos filhos e trabalhar.

Rosy da Unifan falou sobre a importância de se ter mulheres no legislativo municipal. Foto: Portal Notícias Goiás

Rosy também destacou a importância de uma abordagem abrangente para a educação, que considera o desenvolvimento integral das crianças desde a primeira infância. “A importância de se pensar em uma sociedade forte, uma sociedade onde realmente todos se preocupam com todos, tá aqui, é no início, é com a criança”, disse. Para ela, um vereador tem a função de fiscalizar e buscar os problemas da comunidade para trazer soluções. “O vereador precisa ir pra rua, bater um papo, fiscalizar, e só assim ele vai saber a realidade”, afirmou.

No âmbito político, Rosy da Unifan destacou a importância da participação das mulheres e as dificuldades enfrentadas por elas. A Lei Eleitoral exige a inclusão das mulheres nos partidos políticos, mas nem sempre a disputa é igualitária. “Ainda vejo palanques cheios de homens, enquanto as mulheres ficam embaixo. Precisamos mudar isso e mostrar que a presença feminina é essencial”, afirmou.

Outro ponto importante para a pré-candidata é a união dentro do partido. “Brigas dentro do partido não ajudam ninguém. Precisamos correr atrás dos votos de forma unida e coesa”, afirmou. Esse é um dos motivos pelos quais ela escolheu se filiar ao Avante, por sentir que lá poderia concorrer de forma mais equilibrada. “O Avante oferece uma oportunidade real de competição justa. Espero que nossa união no partido resulte em uma grande surpresa para Aparecida de Goiânia”, confirmou.

Rosy destacou sua profunda conexão com Aparecida de Goiânia, cidade onde mora há 43 anos, e seu compromisso em trabalhar para o bem-estar de todos os moradores. “Aparecida de Goiânia é o nosso lar. Não é brigando com o outro, é fazendo com que Aparecida melhore cada vez mais”, concluiu.

Confira a entrevista completa:

Compartilhar em:

Notícias em alta