Hoje é 21 de julho de 2024 17:33
Hoje é 21 de julho de 2024 17:33

Consumidores podem economizar mais R$ 1.200 em itens de pesca, aponta pesquisa

Cerca de 56 produtos foram avaliados, incluindo anzóis, caixas de pesca, carretilhas, varas e canivetes, em sete locais comerciais da capital. Produtos podem apresentar variação de até 275%
O Procon Goiânia destaca que o objetivo da pesquisa é auxiliar os consumidores no planejamento de suas compras // Foto Procon Goiânia

Uma pesquisa divulgada pelo Programa de Defesa do Consumidor (Procon Goiânia) na última terça-feira (09/07) revela variações de até 275% nos preços de 56 itens de pesca e camping, coletados entre 3 e 8 de julho de 2024 em sete estabelecimentos comerciais.

Os produtos com maiores variações de preços incluem o anzol 3/0 MS (50 unidades), que pode ser encontrado entre R$ 4 e R$ 15, representando uma diferença de 275%. A caixa de pesca 1 BJ varia de R$ 19,50 a R$ 49, enquanto a carretilha SLX 150 registra uma diferença de 112,76%, com preços entre R$ 940 e R$ 1.999,90. A vara Saint apresenta variação de 107,76%, de R$ 79,90 a R$ 166, e o canivete modelo Indian, de R$ 55 a R$ 111,33.

A pesquisa indica que o consumidor pode gastar R$ 1.098,40 se comprar esses itens pelo menor preço disponível, enquanto o custo pode chegar a R$ 2.341,23 no preço mais alto, resultando em uma economia potencial de R$ 1.242,83.

Entre os produtos com menores variações, o Molinete WF e-tork se destaca com apenas 3,21% de diferença, variando entre R$ 184 e R$ 189,90. A carretilha Yoshi apresenta variação de 9,66%, com preços de R$ 683 a R$ 749. Outros itens incluem a tenda Nautika (R$ 1020 a R$ 1199,90), o canivete modelo Slak (R$ 59 a R$ 70) e o repelente aerosol de 165 ml (R$ 42 a R$ 49,90).

Já para esses produtos, o custo total pode ser de R$ 1988 no menor preço e de R$ 2.258,70 no maior, permitindo uma economia de R$ 270,70.

O Procon Goiânia destaca que o objetivo da pesquisa é auxiliar os consumidores no planejamento de suas compras, oferecendo referência de preços médios e destacando as variações entre produtos da mesma marca.

Compartilhar em:

Notícias em alta